Como superar o medo de se aproximar dos outros

Ansiedade de aproximação, como é “tecnicamente” chamado esse problema, o medo de se aproximar e fazer contato com pessoas novas é uma das maiores dificuldades que as pessoas encontram para crescer na vida.

Ninguém progride sozinho e ninguém é feliz sozinho. Precisamos uns dos outros para conseguirmos oportunidades, socializarmos e construirmos uma vida completa – isso de uma forma generalizada é claro, mas você entende o que quero dizer. Se estivéssemos sozinhos no mundo não haveria razão para fazermos praticamente nada do que fazemos. É a vida em grupo e a possibilidade de ser feliz dentro desse grupo que nos motiva a caminhar para frente, seja o desejo de encontrar uma “alma gêmea” e construir uma família, a fantasia de ser reconhecido profissionalmente ou o simples prazer de compartilhar as coisas boas da vida, tudo envolve nós junto com outras pessoas. Leia o artigo completo

A ansiedade, o estresse e a síndrome da urgência

Autor:  
Arquivado em: Ansiedade

Como o estresse se relaciona à ansiedade e intensifica a condição de esgotamento e desilusão causadas por expectativas exageradas da realidade

O estresse é a condição de nervosismo, esgotamento e ansiedade causada pela percepção e pela expectativa pessoal da realidade. Duas pessoas quem passam pela mesma situação podem lidar de forma diferente com ela e uma se sentir estressada, enquanto a outra se sente tranquila. É por esse motivo que dizemos que o estresse é uma condição ligada à percepção e às expectativas que a própria pessoa tem com relação à situação.

Um dos principais fatores causadores do estresse é a ansiedade. A ansiedade é um exagero emocional desencadeado quando as expectativas com relação às situações da própria vida são aumentadas, real ou irrealisticamente. Geralmente, a ansiedade é uma resposta exagerada a uma expectativa irreal, gerada por uma percepção equivocada da realidade. Se não fosse assim, a ansiedade seria uma resposta objetiva, obrigatória para certas situações, mas não é esse o caso. Se você sempre tem uma escolha sobre como se sentir e como reagir a cada situação em sua vida, as respostas emocionais são subjetivas e, portanto, relacionadas à percepção individual da realidade. Leia o artigo completo

O que é ansiedade?

Autor:  
Arquivado em: Ansiedade

A ansiedade é a incapacidade da pessoa em lidar com as próprias emoções, principalmente em relação ao tempo.

A pessoa ansiosa cria expectativas que representam ideais aos quais ela se apega tanto que desenvolve um medo extremo de que o que ela quer não aconteça ou não aconteça exatamente da forma como ela imagina.

A excelência encontra pouco espaço na vida da pessoa ansiosa por alguns motivos. Um deles é o perfeccionismo. As expectativas representam cenários exatos e definidos de como as coisas devem ser e acontecer. Elas representam um ideal perfeito de como a pessoa gostaria que certas situações se desenvolvessem e ela fica, então, naquela ansiedade esperançosa de que o futuro seja realmente como ela imagina, pois ela acredita que só assim ela será feliz.

Esse perfeccionismo é mantido pela associação que ela faz das circunstâncias com a felicidade e essas expectativas são alimentadas pelo imaginário coletivo formado pela cultura em que vivemos que ultra valoriza uma ideia utópica e irreal de felicidade. Os filmes de Hollywood com seus finais felizes e as historinhas que ouvimos desde criança sobre princesas e terras encantadas apenas reforça uma noção inconsciente de que há uma vida melhor em algum lugar e que a felicidade só poderá ser obtida quando certas coisas acontecerem. Leia o artigo completo

Ansiedade tem cura?

Autor:  
Arquivado em: Ansiedade

Essa pergunta é surpreendentemente muito comum. Eu digo surpreendentemente porque “cura” não é um termo que deveria estar relacionado à ansiedade!

Para compreender o que quero dizer, é preciso, em primeiro lugar, entender que a ansiedade não é uma doença e, por não ser uma doença, “cura” não é um termo que deveria ser utilizado em um questionamento que busca uma solução para o problema.
Leia o artigo completo

Ansiedade e insegurança

Autor:  
Arquivado em: Ansiedade

Pessoas inseguras geralmente possuem uma visão idealizada do que é ser autoconfiante. Muitas imaginam que pessoas confiantes não têm medo de nada e estão dispostas a enfrentar tudo com o peito e a coragem, jamais sentindo a mínima insegurança. Essa idealização torna o autoconceito da pessoa insegura ainda mais crítico, pois ao se comparar a essa noção de uma pessoa superconfiante, ela se sente ainda mais insegura e inadequada. Leia o artigo completo

O dilema entre a medicação e o auto-enfrentamento para curar a ansiedade

Autor:  
Arquivado em: Ansiedade

Existe muita polêmica tanto entre pacientes, quanto entre médicos, terapeutas e cientistas sobre qual a melhor forma de tratar a ansiedade.

Há um consenso de que os remédios fazem o paciente se sentir melhor, o que pode passar a impressão de que o problema foi solucionado, mas será que foi mesmo? Leia o artigo completo

Remédios funcionam para tratar a ansiedade?

Autor:  
Arquivado em: Ansiedade

Como mencionei no artigo Lidando com a ansiedade normal no dia-a-dia, praticamente inexistem pesquisas científicas sobre a ansiedade comum, essa que enfrentamos no dia-a-dia, mas que não é um caso psiquiátrico.

Por esse motivo, psicólogos e médicos têm uma certa dificuldade para lidar com casos que parecem patológicos, mas não são tão sérios. Muitos, na dúvida, preferem sempre medicar o paciente. Leia o artigo completo

Ansiedade: O medo do futuro

Autor:  
Arquivado em: Ansiedade

Em primeiro lugar, precisamos compreender que a ansiedade é uma dificuldade íntima de lidar com o tempo. Há uma expectativa exagerada com relação ao futuro, seja positiva ou negativa. Quando o ansioso espera que algo bom aconteça, ele deixa com que suas expectativas entusiasmadas tomem conta do seu dia-a-dia, mal podendo esperar o futuro chegar. Se, pelo contrário, o ansioso teme que algo negativo ocorra, ele se deixa tomar pelo medo e angústia, desejando que o futuro nunca chegue ou cedendo tempo mental para pensamentos temerosos e catastróficos. Leia o artigo completo

A sua vida já está acontecendo… AGORA

Autor:  
Arquivado em: Ansiedade

Passamos a mais intensa e rica parte de nossas vidas sonhando, imaginando e nos preparando para a vida “real” que acontecerá quando crescermos. Na infância e na adolescência adquirimos o hábito de pensar em nossa vida como sendo algo “ainda para acontecer”. Precisamos, então, nos preparar, estudar bastante, ser disciplinados, educados e tudo o mais que nos dizem ser importante para o nosso futuro. No fundo de nossas mentes, estamos tentando fazer sentido de tudo isso e passamos um bocado de tempo pensando sobre como será essa vida para a qual os adultos insistem em dizer que temos que nos preparar bem. Leia o artigo completo

Lidando com a ansiedade normal no dia-a-dia

Autor:  
Arquivado em: Ansiedade

A grande maioria – eu arriscaria a dizer até mesmo que 100% – dos estudos científicos sobre ansiedade se concentra na patologia e visa buscar conhecimento e respostas para os casos clínicos, ou seja, os estudos sobre ansiedade só servem para aquelas pessoas classificadas como “anormais”, que sofrem de fobias clínicas propriamente ditas e precisam ser tratadas com medicamentos. Leia o artigo completo

Próxima Página »